segunda-feira, 30 de junho de 2008

olho de lince

onde engendro
a sagarana

invento
a sagaranagem

entre a vertigem
e a voragem

na palavra
de origem

entre a língua
e a miragem
a malandragem piracema


mordendo: o vírus da linguagem
no olho de lince do poema

Nenhum comentário: